Literatura

ELA NÃO MORRE POR ÚLTIMO... VIVE PARA SEMPRE

Para quem gosta de ler.

Para Quem Gosta de Ler

Para Quem Gosta de LerTexto de Sousa El Shalom

17/07/2019 20h36
Por: Nichollas Castro
65

Muitas vezes a vida de uma hora para outra muda, bom, esta é a nossa concepção, mas na verdade somos nós que mudamos.

Parece que tão rápido, tudo à volta de Vinícius começou a ficar complicado. O casamento  quase em ruínas, também passou a ter vários problemas de saúde, suas finanças desorganizaram-se, começou a beber de maneira descontrolada, não dava muitas satisfações ao emprego, ou seja, cada situação  foi criando uma espécie de extensão, atraindo outra ainda mais difícil. É uma hora complicada quando perdemos o encanto por tudo assim.

O fato é que um abismo, sempre vai atraindo outro abismo. Na linguagem científica, clínica, chama-se depressão.

Tudo aquilo na vida de Vinícius, foi gerando uma desmotivação profunda, ele não dominava e nem conseguia mais disfarçar o desespero.

Começou a enxergar a vida de forma opaca, sombria, cinzenta, absolutamente sem estímulos, achava que nada mais prestava, tudo definitivamente estava acabado, a estrada estava sem cores e fechada. Quantas vezes nos sentimos assim não?

Uma certa tarde, um amigo convidou Vinícius para dar uma volta, sem nenhuma vontade e entre muitas reclamações, resolveu sair.

Distante nas conversas, e sem observar quase nada, ele mesmo assim bastante andou com seu amigo.

Depois de algum tempo, resolveram fazer uma parada. O amigo de Vinícius desceu do carro e ele resolveu descer também. 

Ao abrir a porta e mover-se para sair, Vinícius sentiu um impacto no seu ombro, passou a mão rapidamente, e tratava-se daquele animalzinho verde popularmente conhecido como " ESPERANÇA ".

Durante algum tempo ele ficou parado olhando o bichinho. É impressionante mas, ele passou a entender aquilo como uma espécie de sinal. Começou a imaginar que as coisas não estariam tão acabadas assim, que aquele acontecimento poderia ser um símbolo, e que poderia significar muitas coisas. Inclusive que nada está acabado, que a vida podia não ser tão sem cor, cinzenta como ele estava julgando, e que a estrada talvez não estivesse fechada.

Não! Tudo só depende de mim, tenho que ter "ESPERANÇA", buscar a alegria que perdi, corrigir minhas rotas; ele pensou.

Na verdade sempre é  assim, quando achamos que não há mais saída, que as portas se fecharam, que a estrada se estreitou, quando nos revoltamos com a vida, ela nos dá uma "pequena", mas gigantesca lição, pois  mesmo que tudo esteja a fio... DEVEMOS CONTINUAR!

O amigo de Vinícius retornou, e o encontrou sorrindo, então perguntou:O que houve?

Vinícius respondeu sorrindo: A estrada continua aberta, a vida não perdeu suas cores, e ELA NÃO MORRE POR ÚLTIMO... VIVE PARA SEMPRE... ESPERANÇA. 

 

SOUSA EL SHALOM
(Direitos reservados)

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Anúncio
whats-mensagem
Municípios
Rogério Pontes
Últimas notícias
Ghrupo-whasts
Mais lidas
Anúncio
Anúncio