Quarta, 21 de Outubro de 2020 07:09
61 98440-4851
Piauí Coronavírus

Governador anuncia prorrogação do decreto de isolamento social por mais 17 dias

Outra reunião deverá ocorrer nos próximos dias com gestores municipais, para definição de uma nova estratégia na atenção básica de saúde.

20/05/2020 19h40
369
Por: Nichollas Castro
Governador anuncia prorrogação do decreto de isolamento social por mais 17 dias

O governador Wellington Dias (PT) prorrogou por mais 17 dias, o decreto que estabelece o isolamento social no estado, como forma de combater a disseminação do coronavírus. A decisão tomou como base orientações do Comitê de Operações Emergenciais (COE) e foi anunciada nesta quarta-feira, dia 20, durante uma live nas redes sociais. O decreto de quarentena vence nesta quinta. O novo prazo vai até 7 de junho.

Na mesma transmissão ao vivo, Dias anunciou a elaboração de protocolos para a retomada de atividades, de acordo com as normas de saúde necessárias durante a pandemia. Uma reunião no dia 2 de junho foi marcada para anúncio dessas medidas. 

Outra reunião deverá ocorrer nos próximos dias com gestores municipais, para definição de uma nova estratégia na atenção básica de saúde. 

O governador afirmou que há a expectativa de estabilização do número de casos, com menor demanda hospitalar. Wellington Dias elogiou os esforços de todos os setores e da sociedade para que o coronavírus não avance de forma rápida e sobrecarregue o sistema de saúde. 

"Nós chegamos até aqui juntos. É como diz o ditado: nadamos, nadamos e não queremos morrer na praia. Queremos garantir que o Piauí tenha uma condição segura e responsável, e possamos enfrentar e vencer o coronavírus com menos perdas", declarou. 

Decisão pelo adiamento
O governador levou em consideração os índices de isolamento que, em média, giram em torno de 50% no Piauí, além da taxa ainda alta de transmissão do vírus e a demanda por leitos de UTI, que já se aproxima do esgotamento.

Segundo dados da prefeitura de Teresina, a ocupação dos leitos de UTI já chega a 64% na capital, entre públicos e privados. Nesta quarta, a Secretaria de Saúde informou que, durante a pandemia do coronavírus, o sistema de saúde do Piauí já atendeu mais de  80 pacientes de estados como Maranhão, Pará, Ceará, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Distrito Federal. Até o momento, o Piauí identificou 86 casos positivos de Covid-19 em pacientes oriundos de outros estados. 

Desde ontem e hoje, o governador mantém reuniões com a classe médica, cientistas, empresários, deputados e o Ministério Público para discutir as novas medidas. A previsão é que no final do mês e início de junho, o número de casos da covid-19 comece a se estabilizar no Piauí.

Volta das atividades
Sobre a retomada das atividades econômicas, Wellington Dias vai criar um comitê formado por gestores das secretarias de Planejamento e Desenvolvimento Econômico para fechar um plano de retorno gradual das atividades econômicas.

O governador afirmou que quer contar com a participação de empresários, Ministério Público, Defensoria Pública e outros órgãos que possam contribuir na elaboração dos protocolos. A intenção é anunciar no dia 2 de junho o pacote de medidas e quais setores vão ser abertos primeiro. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias